sábado, 11 de fevereiro de 2017

Secretaria de Educação de Manaíra Capacita Professores e Planeja Atividades para ano letivo 2017

Demonstrando o compromisso pela Educação do nosso Município, a Prefeitura junto  com a Secretaria de Educação promoveu aos Professores da Educação Infantil, e do Ensino Fundamental  I e II capacitação realizada pela Empresa Mérito. A mesma teve duração de dois dias, tempo este suficiente para ser trabalhado de forma coerente e dinâmica o tema: DISCIPLINA- PORQUE? E PARA QUE?

Êxito absoluto. Motivo pelo qual garante aos Professores, alunos e Pais um ano letivo em prol de uma Educação de Qualidade.


Confira o sucesso do Evento com fotos a seguir:



















Com o Blog Manaira um Novo Tempo

Manaíra recebe Ambulância para o Samu 0 KM

               O município de Manaíra recebeu no ultimo dia 09 uma Ambulância 0 km toda equipada para o SAMU (Serviço de Atendimento Medico de Urgência ), o novo veiculo ira garantir um serviço de melhor qualidade já que o veiculo atual já apresentava defeitos por está com muito tempo de uso. 

          "Para o Prefeito Nel o atendimento com o nova ambulância melhora muito pois dar mais agilidade e todas as ocorrência será   atendidas.  A Saúde é um das principais metas de investimento   pois salva vidas"










quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Com apenas 12 anos e medindo 1,80m, adolescentes manairenses são as gêmeas mais altas da PB

Embora sejam gêmeas, as adolescentes são complemente diferentes, têm gostos diferentes, têm genéticas diferentes



A história das gêmeas, Maria Eduardo Vale Tavares de Oliveira “Duda” e Glória Maria Tavares Vale de Oliveira “Glorinha” se assemelha com a história de milhares de outros gêmeos, a começar pela própria gestação, pela simbologia do amor duplo, durante todo o período, que antecede o nascimento. Entretanto, uma particularidade torna a história delas completamente diferente da história dos demais gêmeos: Duda e Glorinha nasceram primeiro do que tudo, prematuramente, aos 8 meses. Isso se deu, justamente porque elas tinham algo diferente: O tamanho, o desenvolvimento do corpo. Uma delas, por incrível que pareça, já nasceu com um dente.
Hoje com 12 anos, a particularidade, que outrora se manifestava nos primeiros minutos do nascimento, mas pouco visível às pessoas fora do convívio familiar, estampa-se de longe para qualquer pessoa perceber. Uma tem 1,79m, a outra tem 1,80m. Os números mostram que Duda e Glorinha são as gêmeas mais altas do estado da Paraíba, sobretudo, pela idade.
Embora sejam gêmeas, as adolescentes são complemente diferentes, têm gostos diferentes, têm genéticas diferentes: uma herdou os traços da mãe Gorete Vale, enquanto a outra tem traços genéticos visíveis do pai, Rubens Tavares. As diferenças genéticas não refletem só a aparência das meninas, mas também suas personalidades, desejos e sonhos. Cursando a 7ª série, as duas têm sonhos totalmente diferentes. Duda, que tem paixões por animais, sonha em ser modelo e quer ser médica. Já Glorinha sonha em ser juíza ou delegada. Ela quer, literalmente, “mandar”. Porém, o afinco pelos estudos as torna iguais. Elas, que residem com os pais na cidade de Manaíra-PB, vão todos os dias para a cidade de Triunfo, no Estado do Pernambuco, onde estudam e se preparam para um futuro, certamente promissor, dada a importância dos sonhos individualizados. Obviamente Duda e Glorinha não são gêmeas univitelinas. E, apesar de ser improvável, o caso delas faz todo sentido genético.
Existem dois tipos de gêmeos: univitelinos, quando um óvulo é fertilizado e, posteriormente se divide em dois embriões idênticos; e bivitelinos, quando dois óvulos são fertilizados, gerando gêmeos não-idênticos. O segundo caso é mais raro, afinal, não é comum que existam dois óvulos diferentes em um mesmo período fértil. No caso de Duda e Glroinha a resposta nos genes dos pais. E, apesar de ser improvável, o caso delas faz todo sentido genético. Os filhos costumam receber uma mistura de genes de seus pais. Mas no caso das gêmeas, em específico, ficou claro que não houve mistura, e cada uma herdou características diferentes.
Já no tamanho ‘gigantesco’ delas, a genética do pai, Rubens traz a resposta: ele mede nada mais, nada menos do que 2 metros e 4 centímetros de altura. A se enveredar por esse caminho, as adolescente, que medem em média 1 metro e oitenta, com apenas 12 anos de idade, chegarão bem pertinho de alcançar o genitor.
Entre outras tantas felicidades, estampa-se na face dos pais o prazer, o contentamento e satisfação com as filhas que têm. Um amor incondicional e uma plena realização de pais, que na simbologia da palavra amor, amam com ‘extravagância’ Duda e Glorinha.


Fonte Vale do Piancó Notícias

Tragédia em Juru MORRE ELETROCUTADA



A imagem pode conter: 2 pessoas, close-up
Ysa Pereira, com a filha Melissa de dois aninhos, morreu vítima de choque elétrico na manhã desta quarta-feira (08) 
A cidade de Juru, no Sertão da Paraíba, amanhece mais triste com a trágica notícia do falecimento da jovem Ysa Pereira Pedro, de 21 anos, vítima de choque elétrico, ocorrido na manhã desta quarta-feira (08). 
De acordo com informações, como o piso estava molhado por conta da chuva de ontem à noite, Ysa teria recebido uma descarga elétrica ao tocar em um varal de ferro quando estendia roupas.
O corpo da jovem foi encontrado pelo seu esposo, Tarcísio Vítor Cândido da Rocha, caído no quintal da residência do casal. Ele é filho dos proprietários da Churrascaria Ricart, Socorro e Vital Cândido. Já Ysa era Filha de Célia de Bibiana e Oday. Ela deixa uma filhinha de apenas dois aninhos de idade completados no dia 20 de janeiro.

Juru em Destaque

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Prefeito Nel reúne - se com o Secretario de Segurança do Estado Claudio Lima e pede mais Segurança para Manaíra

       O Prefeito de Manaíra Nel em visita a João Pessoa capital do estado  sede do governo estadual, faz uma verdadeira maratona visitando os secretários do governo em busca  de soluções para os problemas do município .

         Durante o dia de hoje o Prefeito foi recebido pelo presidente da Cagepa o Sr Helio Cunha Lima pedindo  solução urgente para a questão do abastecimento da cidade. 

                  No mesmo dia também teve audiência com o Secretário de Segurança do estado da Paraíba o Sr. Claudio Lima para tratar de convênio entre estado e município na busca de trazer mais segurança e proporcionar a tranquilidade para os manairenses. 

O prefeito esteve sempre acompanhado pelo Deputado Estadual Trocolli Junior e do vereador pelo PSC Jhonata Diniz.    

Prefeito Nel está em João Pessoa cobrando melhorias no abastecimento de água de Manaíra



                 O Prefeito de Manaíra Nel está na capital Paraibana e na manhã de hoje 26 de Janeiro na companhia do deputado Trocolli Junior  foi recebido pelo Presidente da Cagepa, Helio Cunha Lima, e o diretor de operações,  reivindicando uma   nova Bomba para abastecer o município, também acompanhou o prefeito o Vereador Jhonata do PSC 

                  O abastecimento de água do município de Manaíra vem muito deficiente principalmente  nos últimos meses o que  é motivo de muita reclamação dos usuários da Cagepa no município.  

             

                 Na ocasião, o presidente garantiu tratar com carinho a reivindicação e que já enviou, hoje, a equipe para solucionar o problema.

Foto Facebbok com Jhonata

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

PT perde Eleições nos sete municípios em que disputou 2º turno


Imagem Ilustrativa
O Partido dos Trabalhadores perdeu as Eleições Municipais nos sete municípios em que disputou o segundo turno.
Recife era a cidade onde o PT parecia ter mais chances. O resultado nas urnas, porém, ficou longe do desejado pela legenda. O candidato João Paulo conseguiu apenas 38,70% dos votos, contra os 61,30% do eleito, Geraldo Julio (PSB).
As outras derrotas do Partido dos Trabalhadores foram em Mauá-SP, Santo André-SP, Vitória da Conquista-BA, Juiz de Fora-MG, Santa Maria-RS e Anápolis-GO.
No primeiro turno, a legenda elegeu apenas um prefeito em capitais, em Rio Branco, Acre

Tramita em Comissão do Senado projeto que regulamenta a Vaquejada

Na CE, o projeto de Raimundo Lira também está aguardando recebimentos de emendas



O Projeto de Lei (PLS 337/2016) do Senador Raimundo Lira que regulamenta a prática da Vaquejada já está tramitando na Comissão de Educação, Cultura e Esporte – CE do Senado Federal, onde aguarda a designação de um relator.

O projeto restabelece a Vaquejada e a considera "manifestação cultural, com características esportivas, caracterizada pela perseguição promovida ao bovino por vaqueiros montados a cavalo, com o objetivo de conduzi-lo e derruba-lo na areia".
Na CE, o projeto de Raimundo Lira também está aguardando recebimentos de emendas, mas deve tramitar em outras comissões antes de seguir para votação em Plenário, a exemplo da Comissão de Constituição Justiça e Cidadania.
Recentemente, ao defender a matéria na tribuna do Senado Federal, Lira lembrou que a Vaquejada, originalmente, representava o encerramento festivo do trabalho de marcar e castrar o gado. "Era a festa da apartação. Feita a separação, acontecia a vaquejada, com provas que mostravam a habilidade dos vaqueiros na lida com o gado", disse.
Com o tempo, observou Raimundo Lira, a atividade se tornou uma tradição, uma prática cultural, o que justificaria sua manutenção. Além do valor cultural, o Senador lembrou que as vaquejadas geram mais de 600 mil empregos diretos no país – sem contar os indiretos.
Na última terça-feira, vaqueiros e pessoas ligadas à prática da Vaquejada em todo o País foram a Brasília pedir urgência na legalização da Vaquejada e realizaram uma cavalgada em frente ao Congresso Nacional, oportunidade em que receberam o apoio do senador Raimundo Lira.

Fonte ASCOM

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Cunha é preso em Brasília por decisão de Sérgio Moro


O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância da Justiça, determinou na terça-feira (18) a prisão do ex-presidente da Câmara e deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). O pedido é de previsão preventiva, ou seja por tempo indeterminado.
Ele foi preso em Brasília nesta quarta (19), segundo a GloboNews. A previsão da Polícia Federal (PF) é a de que ele chegue a Curitiba no fim desta tarde.
O peemedebista perdeu o mandato de deputado federal em setembro, após ser cassado pelo plenário da Câmara. Com isso, ele perdeu o foro privilegiado, que é o direito de ser processado e julgado no Supremo Tribunal Federal (STF).
Processo
Moro retomou na quinta-feira (13) o processo que corria no Supremo Tribunal Federal (STF) contra Cunha. Em resumo, a ação penal trata da existência de contas na Suíça em nome do ex-parlamentar.
Cunha é acusado de receber propina de contrato de exploração de Petróleo no Benin, na África, e de usar contas na Suíça para lavar o dinheiro. Na segunda-feira (17), Moro intimou Cunha e deu 10 dias para que os advogados protocolassem defesa prévia.
Como o STF já havia aceitado a denúncia, Moro apenas vai continuar o julgamento do caso, a partir de onde o processo parou na Suprema Corte.
O processo foi transferido para a 13ª Vara da Justiça Federal no Paraná após Cunha perder o mandato de deputado federal.
Junto com o cargo, ele também perdeu o direito à prerrogativa de foro - o chamado foro privilegiado, que lhe garantia a possibilidade de ser julgado apenas pelo STF.
Agora, toda a ação penal contra o ex-deputado deverá correr nos trâmites normais do Judiciário para qualquer cidadão. Isso significa que o julgamento contra Cunha poderá passar por todas as instâncias até que seja definida uma condenação.
No despacho em que recebeu a denúncia, Moro fez questão de lembrar que o MPF retirou a acusação de crime eleitoral contra Eduardo Cunha. O motivo, segundo o juiz, foi o fato de que a Justiça Federal não poderia julgar crimes eleitorais. Isso cabe apenas à Justiça Eleitoral.
Cláudia Cruz, mulher de Cunha, já responde por lavagem de dinheiro e evasão de divisas na Justiça Federal do Paraná. De acordo com as investigações, Cláudia Cruz foi favorecida, por meio de contas na Suíça, de parte de valores de propina de cerca de US$ 1,5 milhão recebida pelo marido.

Fonte G1


MEC divulga locais de prova do Enem nesta quarta-feira, às 15h

enem_17
Os candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016 terão acesso às informações sobre os locais de prova hoje(19), a partir das 15h. O cartão estará disponível pela internet e também no aplicativo do Enem, disponível nas plataformas Android, iOS e Windows Phone.
O cartão de confirmação de inscrição, além do local, data e horário de prova, terá o número de inscrição do estudante, a opção de língua estrangeira e, quando for o caso, a indicação de atendimento especializado e específico e a solicitação de certificação do ensino médio.
Para obter o cartão, o participante deve acessar o site do exame, na área destinada ao participante. É preciso informar CPF e senha.
Para evitar os já famosos atrasos, uma dica para os candidatos é fazer o caminho de casa até o local de prova antes da data do exame para conhecer o trajeto e evitar imprevistos. No dia da prova é recomendado chegar com antecedêcia ao local – os portões abrem uma hora antes do início do exame.
Enem
As provas do Enem 2016 serão nos dias 5 e 6 de novembro. Mais de  8,6 milhões de candidatos se inscreveram neste ano. Nos dois dias de prova, os portões serão abertos às 12h e fechados às 13h, no horário de Brasília. Os estudantes devem ficar atentos ao horário de verão e verificar na localidade onde moram o horário exato do exame. As provas começam a ser aplicadas às 13h30.
No primeiro dia de aplicação do exame, serão realizadas as provas de ciências humanas e de ciências da natureza, com duração de quatro horas e meia. No segundo dia, os participantes terão cinco horas e meia para resolver questões de linguagens e códigos, redação e matemática.
A nota do exame é usada na seleção para vagas em instituições públicas, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), bolsas na educação superior privada, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) além de ser requisito para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Para pessoas maiores de 18 anos, o Enem pode ser usado como certificação do ensino médio.
Para se preparar para o exame, o candidato pode acessar a plataforma Hora do Enem, que disponibiliza gratuitamente um plano de estudos individual. O estudante faz um cadastro no qual preenche o curso que pretende fazer. O site também permite ao candidato participar de simulados nacionais, além de ter acesso ao Mecflix – portal com mais de 1,2 mil videoaulas.
EBC

terça-feira, 18 de outubro de 2016

Locais de prova do Enem 2016 devem ser divulgados nesta terça-feira. Saiba mais

Neste ano, todos os candidatos, no momento em que assinarem a lista de presença dentro das salas, terão de passar pela biometria



O cartão de confirmação com o local de prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016 será divulgado para os candidatos a partir desta terça-feira (18), segundo a diretora de gestão de planejamento do Ministério da Educação, Eunice Santos.
As informações estarão disponíveis pelo aplicativo do Enem do governo federal, pelo site http://enem.inep.gov.br/participante/, e além disso, o ministério enviará e-mail aos inscritos, de acordo com Eunice. Assim como no ano passado, os cartões não serão impressos e só estarão disponíveis na versão digital.
Neste ano, todos os candidatos, no momento em que assinarem a lista de presença dentro das salas, terão de passar pela biometria (reconhecimento das digitais) para evitar fraudes. Segundo o governo federal, 22 mil servidores federais vão trabalhar como certificadores com o coordenadores de prova em cada ponto de aplicação.
Provas
Neste ano, as provas serão realizadas nos dias 5 e 6 de novembro. No primeiro dia, sábado, o candidato terá 4 horas e 30 minutos para responder questões de ciências humanas e de ciências da natureza. No domingo, ele terá 5 horas e 30 minutos para as perguntas de linguagens, códigos e suas tecnologias, matemática e redação.
Os portões serão abertos às 12h e fechados às 13h, no horário de Brasília. As provas começarão, nos dois dias, às 13h30. Os gabaritos oficiais das questões objetivas serão divulgados pelo Inep até o dia 9 de novembro. Já os resultados ainda não têm data marcada para serem apresentados.
Horário de verão
Os horários indicados no edital do Enem são todos referentes ao horário oficial de Brasília. Nos dias 5 e 6 de novembro, os portões vão fechar às 13h. As provas terão início às 13h30, mas só poderá participar do exame quem entrar na local de prova antes de os portões serem fechados. Como parte do Brasil aderiu ao horário de verão neste domingo, o país tem estados em quatro fusos horários diferentes. Isso quer dizer que, para alguns candidatos, o horário local de fechamento dos portões é diferente.
Veja a abaixo a lista de estados, segundo o horário local de fechamento.
13h (horário local)
Distrito Federal
Espírito Santo
Goiás
Minas Gerais
Paraná
Rio de Janeiro
Rio Grande do Sul
Santa Catarina
São Paulo
12h (horário local)
Alagoas
Amapá
Bahia
Ceará
Maranhão
Mato Grosso
Mato Grosso do Sul
Pará
Paraíba
Pernambuco
Piauí
Rio Grande do Norte
Sergipe
Tocantins
11h (horário local)
Amazonas
Rondônia
Roraima
10h (horário local)
Acre


Fonte G1

Paraíba tem 15 candidatos a prefeitos cujas candidaturas estão sub judice

Candidatos que ganharam as eleições no dia 2 de outubro correm o risco de não assumir o cargo



Passado o primeiro turno das eleições municipais de 2016, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) começou a apreciar os recursos nos processos de registro de candidaturas que estão sendo remetidos pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). Na Paraíba, 15 candidatos estão com candidaturas sub judice em municípios do Litoral ao Sertão. Ou seja, ganharam, mas correm o risco de não assumir o cargo. Todos eles, com exceção de Santa Rita, estão com os registros deferidos com recurso.
De acordo com o TSE, estão com registros de candidaturas para serem apreciados no estado, o candidato Renato Mendes (DEM), no município de Alhandra; Paulo Rogério (PMDB), em Cacimba de Dentro, Leomar Maia (PTB), em Catolé do Rocha; José Gervásio (PSD), em Caturité; Claudio Freire (PMDB), em Gurinhém; Paulo Francinette (PDT), em Massaranduba; José Pereira, em Maturéia; Olivanio Dantas (PT), em Picuí; Abmael Sousa (PMDB), em Pombal; Maria Auxiliadora (DEM), em Riachão do Poço; José Maucélio (PSB), em São João do Tigre; Claudio Antônio (PSD), em São José da Lagoa Tapada; Petrônio de Freitas (PSD), em Serraria; o candidato João Bosco (PSDB), em Uiraúna;  e o candidato Emerson Panta (PSDB), em Santa Rita - único candidato que está com o registro de candidatura indeferido e com recurso.
Fonte: TSE
Os recursos estão previstos na Lei Complementar nº 64/90 e no Código Eleitoral, que também estabelecem o rito que deve ser observado para os respectivos julgamentos.
A Resolução TSE nº 23.455/2015 regulamentou essas leis para as eleições de 2016, detalhando os procedimentos quanto aos processos de registro de candidatura. O Artigo 44 permitiu que candidatos com pedido de registro de candidatura indeferido pelo Juiz Eleitoral, e que apresentaram recurso ao Tribunal Regional Eleitoral competente, pudessem continuar a fazer campanha eleitoral até o julgamento do recurso pelas instâncias superiores. Assim, esses candidatos participaram da propaganda no horário eleitoral gratuito e puderam  receber votos na urna eletrônica.
Votos anulados e nova eleição
Uma importante alteração promovida pela Lei nº 13.165/2015, conhecida como reforma eleitoral de 2015, foi a introdução parágrafo 3º no Artigo 224 do Código Eleitoral. Esse dispositivo determina que, caso o candidato que recebeu o maior número de votos tenha concorrido com o seu registro de candidatura indeferido e apresentado recurso, se confirmada essa decisão pelo TSE, deverão ser realizadas novas eleições, “independentemente do número de votos anulados”.
De acordo com o assessor-chefe da Assessoria Consultiva (Assec) do TSE, Sérgio Ricardo dos Santos, o art. 224 do Código Eleitoral trata da verificação da validade da eleição.  “O candidato ao cargo de prefeito que obteve a maior votação em um município com menos de 200 mil eleitores estiver com o seu registro de candidatura indeferido no dia da eleição, e a soma dos votos dos candidatos que com ele concorrem (e que não estejam com o registro indeferido) for inferior a 50% dos votos dados a candidatos, a Junta presidida pelo Juiz Eleitoral não poderá proclamar nenhum candidato eleito. Após o julgamento do recurso desse candidato pelo TSE, o Juiz Eleitoral deverá marcar a data para a realização de nova eleição”, esclareceu.
Situação semelhante ocorre na hipótese do candidato a prefeito estar com o registro deferido no dia da eleição e, após proclamado eleito, vir a ter seu registro indeferido pela Justiça Eleitoral. Independentemente do número de votos obtidos, após o TSE ter julgado o seu recurso, serão realizadas novas eleições.
Nos municípios com mais de 200 mil eleitores, onde há possibilidade da realização de um segundo turno, a lei é aplicada de forma parecida. Se o candidato mais votado não obtiver a maioria absoluta dos votos válidos no primeiro turno, a Junta Eleitoral tomará providências para a realização do segundo turno de votação com os dois candidatos mais votados, mesmo que um deles ou ambos estejam com o registro indeferido – mas desde que ainda pendente o julgamento de seus recursos pelo TSE.
Tramitação e prazos
Ainda segundo Sérgio Ricardo, a contagem de prazo aplicável a processos desse tipo é contínua e peremptória, ou seja: os dias são contados incluindo os sábados, domingos e feriados.
Os recursos das decisões dos juízes eleitorais ou dos TREs nos processos de registro de candidatura devem ser interpostos em três dias.  Assim, antes de serem enviados ao TSE, os TREs abrem um prazo de três dias à parte contrária para a apresentação de contrarrazões. O processo já chega à Secretaria Judiciária (SJD) do TSE com o número único atribuído pela Justiça Eleitoral.
No TSE, uma vez recebido e autuado, o processo é distribuído a um dos ministros do Tribunal, que será o relator do caso. Os relatores em geral são sorteados, mas há casos em que o processo é distribuído diretamente ao ministro que já tenha recebido outro processo em que as partes sejam idênticas, ou cuja situação concreta possa repercutir no novo processo. Nessa hipótese, o relator é considerado prevento.
Prioridade - Dada a prioridade que lhes é conferida durante o período eleitoral, os processos de registro de candidatura não precisam ter a respectiva pauta previamente publicada nos órgãos oficiais para serem julgados nas sessões do plenário do TSE. “Por isso os advogados precisam ficar atentos, caso queiram fazer o uso da palavra quando o relator levar o processo em mesa para julgamento”, recomenda o assessor-chefe.

Fonte Diamante Online

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Prefeitos eleitos e reeleitos pelo PSD não descartam apoio a candidato de Ricardo em 2018

prefeitos-eleitos
Prefeitos eleitos e reeleitos pelo PSD, partido comandado pelo deputado federal Rômulo Gouveia e que tem ultimamente como grande estrela o prefeito reeleito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, não descartaram apoiar um candidato apoiado pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) na sucessão de 2018.
Manoel da Lenha, prefeito reeleito de Ingá, e Leonice Lopes, prefeita reeleita de Boa Ventura, disseram que é muito cedo para falar sobre a sucessão de 2018, que muitos nomes serão postos do seu partido e de partidos aliados, mas não descartaram apoiar um candidato indicado pelo governador Ricardo Coutinho.
Manoel lembrou que em 2014 votou no senador Cássio Cunha Lima, mas que a partir de janeiro de 2017 terá um vice que é filiado ao PSB, partido do governador, e que até o pleito de 2018, muita coisa ainda vai acontecer.
Já Leonice destacou que votou no governador Ricardo Coutinho em 2014, lhe dando maioria absoluta no município, mas seu adversário se filiou ao PSB para disputar a prefeitura agora em 2016, o que a afastou do governador momentaneamente. Ela destacou ainda que o deputado Rômulo Gouveia sempre deu muito liberdade para todos os filiados na formação de alianças e realçou que para as próximas eleições estaduais só tem compromisso firmado com o deputado federal Hugo Motta (PMDB).
Já o prefeito eleito de Piancó, Daniel Galdino, colocou o nome do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) como principal nome do seu grupo para disputar o governo e que o prefeito Luciano Cartaxo pode figurar em outra posição da chapa.
Paraiba.com.br (Marcos Weric)